Mudança - Palavra chave na adolescência


Autor Murilo Lima Denardi

Mudanças no corpo, mudanças de sentimentos, mudanças de interesses, mudanças de responsabilidade, mudanças de pensamentos, podemos, sem medo algum, afirmar que a palavra-chave para pensarmos a adolescência e a juventude é “mudança”. Entretanto, como é possível notar, a maioria (quiçá todas) dessas mudanças é causada por fatores externos do jovem, sejam elas concebidas pela sociedade, família, leis, etc.

Não soa estranho? Ou pelo menos pessimista? Será que o momento de transição do indivíduo é marcado pelos caminhos que lhe são dados? Respondo com segurança: não. Esse momento de transição não precisa ser de reações passivas, de “coisas caindo no colo” ou de obrigações de terceiros. É possível atrair oportunidades, é possível agir, porém demanda vontade, desejo e iniciativa.

Reparem: “é possível”. Não é algo certo, algo concreto, isso porque parte daquele que nota a necessidade de mudar, ou pelo menos de se fazer a mudança. Noto essa iniciativa com os participantes dos diferentes Cursos de Aprendizagem do Núcleo de Formação e Trabalho.


Jovens entre 14 e 24 anos que estão matriculados, ou que já finalizaram o ensino médio, têm a oportunidade de agirem para conquistarem a autonomia, exercitarem a responsabilidade e traçar metas para alcançarem os seus desejos e objetivos que se encontram no futuro.

Além de desenvolverem sua identidade, buscando aquilo que querem e transformando a sua realidade, os aprendizes também impulsionam o mercado de trabalho, pois desde cedo entendem as funções e os papéis presentes neste conturbado cenário atual de desemprego e falta de oportunidades. Com sua criatividade e sua motivação, um novo olhar paira sobre tais condições, gerando novas ideias e novas soluções. A aprendizagem é uma via de transformação e de aperfeiçoamento pessoal, recheada de função social e resultados expressivos para o mercado de trabalho, gerando novas e fortes mentes protagonistas para o futuro.


#Aprendizagem

54 visualizações
Atuamos de forma compatível  à agenda de desenvolvimento sustentável da ONU, em especial
os ODS nº 4, 8, 10 e 16

 IDES: Rua Emílio Blum, 124 - Centro - Florianópolis - Cep. 88020-010 - Telefone: (48) 3224-5008 - E-mail: contato@ides-sc.org.br

© 2016 / 2020  Feito com 🧡 por Marketing IDES - Irmandade do Divino Espírito Santo 

MODS-SC-Selo 2020-PJ-alta.png
8.jpg
ODS 10.jpg
16.jpg